31 agosto, 2014

Monteiro Lobato e o Sítio do Picapau Amarelo

    Todo mundo se lembra de algum livro ou algum autor que marcou a sua infância. Se não a sua infância física, a sua infância literária...

   No meu caso, houve um escritor que influenciou ou, na verdade, criou toda a minha forma de enxergar a literatura. Fez a minha imaginação voar, prendendo-me horas e horas nos livros, levando-me para os mais diversos e distantes mundos - constelações celestes, a Grécia Antiga, reinos encantados no fundo do mar, navios piratas e muito mais... Monteiro Lobato.




    Monteiro Lobato (1882-1948) pode ser considerado o maior escritor infanto-juvenil da história do Brasil; ao longo de sua vida, lançou diversos livros dos mais variados gêneros, mas é especialmente reconhecido e venerado por ter criado e dado vida aos personagens do Sítio do Picapau Amarelo.




    Emília, Pedrinho, Narizinho, Dona Benta, Tia Nastácia, Visconde de Sabugosa, Marquês de Rabicó, Cuca... Mesmo quem nunca leu nenhum livro do autor conhece esses personagens. Afinal, durante muitos anos, a Rede Globo adaptou algumas das obras de Monteiro Lobato para a telinha...


  

  As adaptações da TV por si próprias marcaram a infância de muitos telespectadores. Mas ela é muito, mas muito inferior aos livros escritos pelo autor. A escrita de Monteiro Lobato permite que o leitor tenha total liberdade para vivenciar as mais fantásticas cenas, nos mais diversos lugares... E tudo isso sem didatismo.

    Afinal, por mais que os livros do Sítio do Picapau Amarelo possam ser classificados como obras infantis, o autor se utiliza de uma linguagem completamente universal. Sua escrita serve tanto para crianças como para adultos; afinal, Lobato não subestima a inteligência do pequeno leitor e, ao mesmo tempo, permite aos leitores mais velhos tanto relembrar a magia da infância quanto adicionar novas informações e visões para sua vida adulta.



     Monteiro Lobato leva os habitantes do Sítio do Picapau Amarelo para os mais diversos lugares. Em O Minotauro e Os Doze Trabalhos de Hércules, livros responsáveis por me fazer apaixonado pela mitologia e pela cultura grega, os personagens vão para a Grécia Antiga, onde conhece personagens históricos, como Péricles, e personagens mitológicos, como Hércules, Belerofonte e, pra falar a verdade, quase todas as figuras da mitologia grega.




    Em Viagem ao Céu, o autor nos leva literalmente ao céu. Viajamos em caudas de cometas, através das mais diversas estrelas e, em certo momento, conhecemos até mesmo um anjinho machucado...



    Em O Picapau Amarelo, os personagens do mundo da fábula – o mundo dos príncipes e princesas dos contos de fadas, dos seres mitológicos etc. – resolvem se mudar para o sítio, trazendo com eles seus animais, terras, mares... E, enquanto o autor vai descrevendo os personagens e a narrativa se desenrola, a gente realmente se convence de que aqueles são os personagens cuja história a gente cresceu ouvindo, embora agora retratados sob uma ótica diferente.


     Em Peter Pan e Dom Quixote das Crianças, por exemplo, o autor reconta dois clássicos da literatura universal através de Dona Benta, que narra as histórias para os habitantes do sítio. As narrativas são entremeadas por pequenas aventuras que acontecem no próprio sítio, além de diálogos entre os personagens que  debatem e opinam sobre a história que estão ouvindo...






    Se eu continuar, vou acabar citando todos os livros do autor. E esse não é o meu objetivo aqui; aqueles que já leram Monteiro Lobato certamente compartilham do meu entusiasmo por sua literatura e, aos que não leram, recomento seriamente. E não se engane; a obra é infantil só na classificação. No conteúdo, ela conquista jovens, adultos e idosos, sempre no mesmo espírito de aventura e sempre trazendo novos aprendizados. Afinal, quem lê Monteiro Lobato aprende muita coisa; desde lendas greco-romanas, brasileiras, até sobre história, geografia, petróleo e política. Uma literatura universal e eterna!





por Diego B. Oliveira





40 comentários:

  1. E eu que só conhecia o sítio do picapau amarelo fiquei super curiosa para saber mais de suas outras obras e ler mais ,adorei!!!
    Na bienal tinha citação de Monteiro Lobato em um estande <3
    Isso é verdade, muuuito amor <3
    Um beijo
    Pâm - www.interruptedreamer.com

    ResponderExcluir
  2. Tenho tantas saudades do sitio do pica pau amarelo... Não conhecia essas outras obras de monteiro lobato :( Gostei do post!

    http://www.turmajovem.com.br

    ResponderExcluir
  3. Confesso que nunca li nada do autor
    Mas conheço suas obras pelas adaptações que foram feitas para a televisão
    Muito bacana a postagem

    Beijos
    http://pocketlibro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Nossa, Diego! Você ter falado de Monteiro Lobato e eu ter lido o que você escreveu, me fez relembrar vários momentos da infância, li alguns livros do autor [mas faz tanto tempo que nem lembro o titulo], mas o que eu não me esqueço era o quanto eu amava a série na telinha, uma vez quando pequeno eu fingi passar mal, minha mãe foi me buscar na escola, e quando eu cheguei ela descobriu que era só pra eu assistir o episódio do dia, mas ele passaria de novo, mas eu queria assistir de primeira mão.

    M. Lobato <3

    http://gabryelfellipeealgo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá.
    Que ótimo post. Adorava O Sítio do Pica Pau Amarelo, mas creio que não li nenhum livro do autor, olha só! Não me lembro, preciso ver isso UASHUAHS

    Beijos, Vanessa.
    This Adorable Thing
    http://thisadorablething.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oiii
    As obras dele são demais mesmo.
    Eu tenho em casa As memórias de Emília e adorava assistir o Sítio do Pica-pau amarelo. Tudo mostrado de uma forma inocente que não temos hoje. O mundo mudou muito.
    Adorei o post.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Que alegria ver esse seu post.
    Conheci o Sítio pela tv, depois corri pra biblioteca para procurar os livros e li todos os da editora brasiliense que tinham na biblioteca, creio ter lido a série toda! Foram livros que me fizeram viajar na imaginação e super reforçaram o meu gosto pela leitura, marcaram minha vida!
    petalasdeliberdade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Gente que cresceu com o Sítio do pica pau amarelo como companhia levanta a mão! õ/

    Adorei a postagem, Diêgo!

    Abraços
    http://garotodelinhas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. ´Não li nenhum livro dele e nem vi o sítio do picapau amarelo, haha. A história não me interessa nem um pouco :/

    The Lord of Thrones

    ResponderExcluir
  10. Oi!
    Nossa, Monteiro Lobato marcou a infância de muita gente!!
    Seu post está muito completo e informativo, parabéns!
    Mas, confesso, que nunca foram as minhas histórias favoritas....
    Sei lá... vai ver eu era uma criança diferente...kkk

    http://resenhasdalu.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Gostei muito do seu post Diego. Apesar de nunca ter lido, lembro de ter assistido muito O Sítio do Pica Pau Amarelo quando era menor.
    bjs

    http://apenasumdiariovirtual.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Olá Diego,

    Adorei o post, as histórias de Monteiro Lobato são incríveis!
    Assisti muito O Sítio do Pica Pau Amarelo!

    Beijo

    http://entreresenhas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Oi, Diego!
    Eu nunca li nada do Monteiro Lobato, mas sempre tive vontade. Ele sempre foi muito elogiado e teu post só intensificou isso.
    Sempre quis ler alguma obra dele por acreditar que gostaria, mas nunca tive oportunidade.
    Adorava o Sítio do Pica-Pau Amarelo quando criança e ainda hoje sou encantado pela adaptação (mesmo que não chegue aos pés dos livros como você falou).
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.com

    ResponderExcluir
  14. Não lembro de ter lido algo do Monteiro Lobato. :/
    Mas tenho muita vontade de conhecer suas obras.
    bjs
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  15. Nunca li nada do autor acredita?
    Nunca fui muito incentivada durante minha infância e a essa altura da vida esse tipo de leitura não me atrai mais... O único contato que tive com as obras do autor foram os programas do sitio do pica pau amarelo apesentados na globo.

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Que nostalgia *-*
    Monteiro Lobato teve sim uma grande influência em mim, porém, o autor infantil que foi o mais essencial na minha formação, sem dúvidas, foi o Maurício de Sousa. Lembro de ir para a casa da minha prima e lá ficarmos a tarde inteira nas redes lendo os gibis da turma da mônica, fingindo que estávamos perdidas em alto mar, sem nada para fazer, que saudade >.<
    Obrigada por despertar essa lembrança mim, haha
    Até mais,
    Aline

    ResponderExcluir
  17. Oi, Diêgo!

    Monteiro Lobato é vida e também fez parte da minha infância! Assistia a todos os episódios do Sítio e já li alguns livros dele também como "Memórias da Emília". Ótimo post!

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. As obras são incríveis,gosto muito de Monteiro Lobato,e o sítio do picapau Amarelo marcou minha infância,tando lendo a obra e assistindo, e posso dizer que a primeira versão do Sítio foi a melhor,algo bem mais simples que retratava o melhor possível da obra.
    Beijos
    http://nadadecontodefadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oi, tudo bem?
    Já li alguns trechos dos livro do Monteiro Lobato, mas nunca uma obra inteira, mesmo assim concordo que a escrita desse autor é tanto para crianças quanto para os adultos.
    Não sabia que o Monteiro Lobato tinha livros sobre a mitologia grega, eu amo essa mitologia!!!
    O post ficou muito legal!
    Beijos... Samantha Culceag.
    Só pra Menores

    ResponderExcluir
  20. Esse programa do Monteiro animava minhas manhãs! Bateu até uma nostalgia. Esse autor é magnífico em criar personagens maravilhosos, tramas bem escritas e encantar qualquer público <3.

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Ahhh, sitio do pica pau amarelo <3 #saudades #infancia


    (e sim, foi voce o Diego que citei no texto)

    conclusoesnoturnas.blogspost.com.br

    ResponderExcluir
  22. Admiro-o demais! No ensino médio fiz um trabalho enorme sobre ele na matéria de Literatura e apaixonei :) inclusive em um dos slides usei essa última foto!!

    Beijos
    Nati

    www.meninadelivro.com.br

    ResponderExcluir
  23. Eu amo as obras do autor. Nunca assisti, mas sempre amei os livros. Os doze trabalhos de Hércules é o meu favorito e foi responsável por minha paixão por mitologia também.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  24. OLá, Diego
    O primeiro livro que li foi Escrava Isaura. Passei da fase adolescente, e reli, mais umas 10 vezes. Adoro, apesar do meu livro de cabeceira ser, Memorial de Maria Moura, da Raquel de Queiroz.
    Passei por aqui em visita ao seu blog.
    Eu também tenho um, só que muito simples.
    Estou lhe convidando a visitar-me, e, se possível seguirmos juntos por eles, e, com eles. Sempre gostei de escrever, expor as minhas idéias e compartilhar com as pessoas, independente da classe Social, do Credo Religioso, da Opção Sexual, ou, da Etnia.
    Para mim, o que vai interessar é o nosso intercâmbio de idéias, e, de pensamentos.
    Estou lá, no meu Espaço Simplório, esperando por você.
    E, eu, já estou Seguindo o seu blog.
    Força, Paz, Amizade e Alegria
    Para você, um abraço do Brasil.
    www.josemariacosta.com

    ResponderExcluir
  25. Gostei da dica Diego. Confesso que ainda não li nada do Monteiro Lobato, mas tenho muita vontade. Abraço!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  26. Quando eu era pequena, adorava assistir O Sitio do Pica Pau Amarelo mas confesso que nunca li nenhum livro do mesmo.
    http://toobege.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  27. Ahhh, esse autor é muito especial né? Ele me lembra tanto minha infância!! Li vários livros dele dos meus 7 até uns 10 anos, e meus pais me incentivavam muito. As histórias dele inserindo a cultura brasileira, o folclore, são lindas! Todos deveriam ler pelo menos um pouquinho das obras dele, e é uma boa dica de livros infantis!

    Ótimo post Diego!!

    Beijo!!

    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Gostei da dica!!
    Adorei o seu blog e já estou a seguir :D
    beijinhos,
    Daniela

    http://ddocesonhadora.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  29. Nunca li O Sítio, mas era viciada no programa da TV, tão legal e divertido, rs

    beijos
    meumundinhoficticio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  30. Olá, tudo bem??
    Monteiro Lobato é um ícone da literatura, eu particularmente amo O Sítio do Pica-Pau Amarelo, tanto a adaptação da tv (aquela que a Isabelle Drummond interpreta a Emília :3) quanto os livros!
    Adorei o post, super legal, bateu uma nostalgia aqui agora...
    Abraços ^^
    http://enjoythelittllethingss.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  31. Olá =)

    Adorei o post =)
    Nunca li nada de Monteiro Lobato além de alguns trechos, mas eu adorava o programa de TV do Sítio, que tornou minha infância ainda mais divertida e feliz. Ai, que nostalgia. Um dia irei sanar este erro e ler algo de Monteiro. Assim espero =)

    Beijos,
    Livy
    No Mundo dos Livros

    ResponderExcluir
  32. Adoro Monteiro Lobato, li todos.. E tenho a coleção até hoje.. As vezes pego um para relembrar....

    Gostei da postagem Bjus
    http://www.mulheresdivando.com.br/

    ResponderExcluir
  33. Seu post, além de muito bem feito, me deixou saudosa! Eu adorava essa versão do sítio da foto que vc postou! Acho, inclusive, que o Sítio teve grande influência nesse meu amor pela literatura fantástica... Agora me deu vontade de ler os livros, afinal nunca li nada de Lobato, vc acredita?! Vergonha, né...

    http://maisumapaginalivros.blogspot.com.br/
    Mais Uma Página

    ResponderExcluir
  34. Oi Diego.
    Monteiro Lobato e Sítio do Pica Pau Amarelo, inesquecíveis, surpreendentes.
    Sítio lembra toda minha infância, que delícia, li pouco livros do autor, e infelizmente não tenho nenhum na estante.
    Mas depois de ler todo esse post, bateu saudade e a ideia de começar uma nova coleção.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  35. Há tempos preciso ler uma obra de Monteiro Lobato!

    ResponderExcluir
  36. Oiee ^^
    Acredita que eu nunca gostei de Sitio do pica pau amarelo? Pois é, sempre mudava de canal quando estava passando na tv. Também nunca li nenhum livro do autor *-*
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  37. Oi, tudo bom??
    Escolheu bem o tema do post!!
    Amo Monteiro Lobato! Ele marcou a minha infância (e com certeza a de muita gente). Espero que ainda surjam muitos como ele. Pois é na infância, que aprendemos a amor os livros.

    Beijos,
    JuH
    http://umminutoumlivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  38. euu adoravaaaaaaa ! Essas historias, marcaram minha infancia

    Beeijos, ♥

    http://www.paaradateen.com
    http://www.facebook.com/PAARADATEEN
    INSTAGRAM: @luannaandrade_

    ResponderExcluir
  39. Com certeza Monteiro Lobato marcou minha infância. Amava MUITO Sitio do Pica Pau Amarelo e li Viagem ao Céu e Peter Pan também!! Ameeeei. Bjs

    http://www.radarmexeriqueiro.com/2014/09/conhecendo-toronto-botanical-gardens.html

    ResponderExcluir
  40. Eu adorava o sítio e toda a turminha, mas confesso que apenas via pela tv.
    Meu interesse pela literatura surgiu muito depois, muuuuito depois, com Agatha Christie. Acho que isso é uma das coisas diferentes que farei, pois pretendo inserir o Mestre Monteiro Lobato em breve na vida do meu filho!
    Excelentes dicas!
    Beijos
    Chrys Audi
    Blog Todas as coisas do meu mundo

    ResponderExcluir